O Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) publicou uma nova regra que permite revisão e suspensão de aposentadorias por invalidez e auxílio doença concedidas a partir de decisões judiciais. A normativa prevê a possibilidade de corte no pagamentosem a necessidade de manifestação prévia ou posterior do órgão de execução da Procuradoria-Geral Federal.

Preocupante, a nova regra chama a atenção do Ministério Público, que solicitou uma explicação do INSS. O MPF quer saber se a suspensão de benefícios será ou não precedida de processo administrativo, assim como analisar os estudos que levaram à criação da nova regra.

O que diz Natasha:

Mais um episódio envolvendo o INSS que de uma forma ou de outra chama a atenção para a fragilidade do sistema. Regras como esta buscam evitar fraudes mas em contrapartida podem prejudicar cidadãos que agem corretamente.

Como análise geral, vemos o INSS como uma instituição enfraquecida e a beira de um colapso. O melhor caminho é conhecer as melhores formas de criar o seu plano de previdência que garanta uma boa aposentadoria, buscando alternativas em investimentos sólidos e garantidos.

Procure orientação especializada e saiba tudo o que você pode garantir para uma aposentadoria confortável.